Share Voto rápido

Poll Enlace

500 px
350 px
250 px
Vista previa

Vista previa del widget:

Anchura - px Altura - px

Cerrar vista previa
! Estás usando un navegador que no es compatible La versión de tu navegador no es válida para Toluna, te recomendamos que instales la última versión Actualizar
Nuestra política de privacidad protege tu membresía a nuestro Influencer Panel. Puedes acceder aquí. Nuestro sitio utiliza cookies. Las cookies hacen que toda tu experiencia sea mejor. Conoce más acerca de ellas en nuestra política de Cookies.

barbosacarvalhoju

  hace 4 meses

Segundo estudos idade biológica da retina pode indicar risco de morte prematura?
Cerrado

De acordo com um estudo publicado na revista científica British Journal of Ophthalmology e citado pela revista Galileu, existe uma ligação entre certas características dos olhos e o risco de morte.




Os pesquisadores, que analisaram dados de 46.969 voluntários no Reino Unido, dizem que as retinas que "envelhecem mais rápido" são um prenúncio de morte prematura por diferentes patologias.

Segundo os acadêmicos, o estado dessa camada do tecido nervoso na retaguarda do olho, pode expressar a idade biológica do corpo, isto é, remetendo para quanto as estruturas biológicas do corpo humano envelheceram. Como tal, a 'idade da retina' de cada um não é necessariamente igual à sua idade cronológica.

Tendo esse princípio como base, refere a revista Galileu, os autores do estudo examinaram mais 80 mil imagens da retina dos quase 47 mil britânicos entre 40 e 69 anos selecionados. Sendo que a análise foi realizada com o auxílio de um sistema de inteligência artificial, que determinou qual era a idade das retinas apresentadas nas fotografias - alguns dos voluntários foram monitorados durante cerca de 11 anos.

No decorrer da pesquisa, os cientistas determinaram que em 51% dos participantes a retina envelheceu três anos a mais que a idade cronológica. Entretanto, em 28% dos voluntários a diferença de envelhecimento foi de cinco anos e, em 4,5%, correspondeu a 10 anos.

Adicionalmente, alguns dos voluntários morreram durante a experiência (5%), sendo 17% por doenças cardiovasculares, 54,5% vítimas de câncer e 28,5% de outras causas, incluindo demência.

Os investigadores concluíram que a cada um ano de aumento na diferença da idade da retina, crescia em 2% o risco de morte por qualquer causa e em 3% o risco de morte por causas específicas.

"Os nossos dados determinaram que a diferença de idade da retina é um preditor independente de aumento do risco de mortalidade. Esses achados sugerem que a idade da retina pode ser um biomarcador clinicamente significativo do envelhecimento", destacam o estudo.



Fonte:Notícia ao minuto


Bom dia a todos!!! Sextouuuu
Responder

scmcervo

  hace 4 meses
Essa não conhecia
1 comentarios

L3612756h36

  hace 4 meses
poxa
1 comentarios

LeoniceSilva

  hace 4 meses
Interessante amiga! Cada parte do nosso corpo com suas peculiaridades, e cada dia novas descobertas rsrs Bom dia, querida!
1 comentarios

Copiado en portapapeles

Unas cosillas antes de empezar

Para crear contenido en la comunidad

Verifica tu correo electrónico / reenviar
No gracias, estoy echando un vistazo

OK
Cancelar
Hemos desactivado la opción para conectarse con Facebook. Por favor, introduzca su email de Facebook para restablecer su contraseña.
Por favor, asegúrate de que el campo Correo electrónico es válido
Cancelar
Procesando los datos...
Cuando subes una imagen, nuestra web tiene un aspecto mejor.
Cargar